25 de mar de 2013

Oba!!!! Feira do Livro 2013

Queridos alunos e amigos agende-se.  Estarei lá sempre que possível.



O  escritor e juiz João Marcos Buch com minhas alunas . Feira do Livro 2012



O escritor Jura   Arruda   sendo entrevistado.










Ignácio De Loyola Brandão  - Feira do livro 2013


A 10ª edição da Feira do Livro de Joinville começa no próximo dia 3 de abril e vai contar com a participação de escritores de todo o país e do exterior. Até 14 de abril, o evento também contará com palestras, oficinas, lançamentos de livros e apresentações culturais. Confira a programação completa:


3 de abril (quarta-feira)
17h - Abertura da Feira – Expocentro Edmundo Doubrawa
19h - Palco Principal - Solenidade de abertura
19h30 - Palco Principal - Palestra “O valor da cultura na formação do homem” - Péricles Prade (Florianópolis) – Presidente da Academia Catarinense de Letras
21h - Encerramento


4 de abril (quinta-feira)
8h às 11h30 - Encontro com Professores – Competência Leitora
10h30 - Palco Principal - Lançamento de Livro/ Sessão de Autógrafos - Arlete Trentin e JC Bridon (Gaspar) 
14h às 17h30 - Encontro com Professores - Competência Leitora
15h - Palco Principal - Apresentação do Grupo de Danças do Centro de Convivência do Idoso - ABEJ (Hospital Dona Helena)
16h30 - Palco Principal - Lançamento de Livro /Sessão de Autógrafos  "A Narrativa Visual na Literatura Infantil Brasileira" - Maria Lucia Costa Rodrigues (Joinville) 
19h - Teatro Juarez Machado - Palestra: "Retratos da leitura no Brasil" - Professora Maria Antonieta Antunes Cunha (Brasília) - Diretora do Programa Nacional do Livro e da Leitura do Ministério da Cultura
19h - Auditório Alcione Araújo - Palestra: "Importância da qualidade emocional na vida das pessoas" - Professor Maro Schweder (Blumenau)
21h - Encerramento

Palestras:

8h às 9h30 - Teatro Juarez Machado - A inexistente batalha do livro impresso contra o atemorizador gigante digital - Professor Valther Maestro.
8h às 9h30 - Auditório Alcione Araújo - A leitura como ação para o desenvolvimento do país - Professor Elian Alabi Lucci.
10 às 11h30 - Teatro Juarez Machado - Práticas de leitura para um leitor em processo - Professor Caio Riter.
10 às 11h30 - Auditório Alcione Araújo - Textos sentidos e interpretações - Professora Guilhermina Jardim.
14h às 15h30 - Teatro Juarez Machado - A inexistente batalha do livro impresso contra o atemorizador gigante digital - Professor Valther Maestro.
14h às 15h30 - Auditório Alcione Araujo - A leitura como ação para o desenvolvimento do país - Professor Elian Alabi Lucci.
16h às 17h30 - Teatro Juarez Machado - Práticas de leitura para um leitor em processo - Professor Caio Riter.
16h às 17h30 - Auditório Alcione Araújo - Textos sentidos e interpretações -  Professora Guilhermina Jardim.

Oficinas:

8h às 11h30 – Sala 1/Alfredo Salfer - A linguagem digital: desafios para uma outra leitura e outra textualização - Professora Jaqueline Sampaio. 
8h às 11h30 – Sala 3/Alfredo Salfer – O Jornal como ferramenta pedagógica na sala de Aula – Roseméri Maria Lucioli.
8h às 11h30 – Sala 5/Alfredo Salfer - A Ilustração no livro de literatura - Professora Djessika Lentz. 
8h às 11h30 – Sala 8/Alfredo Salfer - - Palavras que embalam: leitura e educação infantil - Professora Luciane Schuarts Ferreira.  
8h às 11h30 – Sala 9/Alfredo Salfer – Contos de fadas: literatura, pedagogia ou terapia? - Professora Camilla Mantovani Ozório. 
8h às 11h30 – Sala 10/Alfredo Salfer - Contar histórias na sala de aula - Professora Denise Monteiro. 
14h às 17h30 – Sala 1/Alfredo Salfer - A linguagem digital: desafios para uma outra leitura e outra textualização - Professora Jaqueline Sampaio. 
14h às 17h30 – Sala 3/Alfredo Salfer – O Jornal como ferramenta pedagógica na sala de Aula – Roseméri Maria Lucioli.
14h às 17h30 – Sala 5/Alfredo Salfer - A Ilustração no livro de literatura - Professora Djessika Lentz. 
14h às 17h30 – Sala 8/Alfredo Salfer - Palavras que embalam: leitura e educação infantil - Professora Luciane Schuarts Ferreira.  
14h às 17h30 – Sala 9/Alfredo Salfer – Contos de fadas: literatura, pedagogia ou terapia? - Professora Camilla Mantovani Ozório. 
14h às 17h30 – Sala 10/Alfredo Salfer - Contar histórias na sala de aula - Professora Denise Monteiro.


5 de abril (sexta-feira)
9h – Abertura da Feira
9h30 – Teatro Juarez Machado – Palestra: “Do fã ao profissional: estratégias para se trabalhar com o que se gosta” - Daniel HDR (Porto Alegre)
10h – Sala de Cinema – Mostra Itinerante do Festival Internacional de Cinema “Nueva Mirada” para a Infância e Juventude (Curtas Metragens)
10h – Espaço da Imaginação e Brincadeira - Maratona de Contos  SESC – Histórias por todos os lados (Tespis Cia de Teatro/Itajaí)
10h30 – Palco Principal - Lançamento de Livro/Sessão de Autógrafos “Um sapo nas Terras do Príncipe” - Jura Arruda  (Joinville)
14h30 – Teatro Juarez Machado – Palestra: “Do fã ao profissional: estratégias para se trabalhar com o que se gosta” - Daniel HDR (Porto Alegre)
15h – Sala de Cinema - Mostra Itinerante do Festival Internacional de Cinema “Nueva Mirada” para a Infância e Juventude (Curtas Metragens)
15h – Espaço da Imaginação e Brincadeira - Maratona de Contos SESC – Histórias por todos os lados (Tespis Cia de Teatro/Itajaí)
19h – Teatro Juarez Machado - Projeto Via Poesia SESC – Show musical “Via Láctea”- Silvio Mansani  (Florianópolis)
19h – Auditório Alcione Araújo – Palestra: “História Política do Brasil”- Dr. Antônio José Barbosa (Brasília) 
20h – Palco Principal - Lançamento de Livro/Sessão de Autógrafos “Brisa e Vendaval”  - Ernani Martins (Joinville)
21h – Encerramento


6 de abril (sábado)
9h – Abertura
10h30 – Palco Principal - Lançamento de Livros – Projeto Literatura em Sala de aula do Colégio Tupy – Sociesc
10h30 às 11h30 – Espaço da Brincadeira e Imaginação - Teatro Lambe-Lambe – Márcia Cordeiro e Liane Coral (Joinville)
11h30 - Palco Principal - Lançamento do Livro/Sessão de Autógrafos  “Os cachorros aprontões”– Ana Tais Arnold (Joinville)
14h – Sala de Cinema - Mostra Itinerante do Festival Internacional de Cinema “Nueva Mirada” para a Infância e Juventude (Filme: Kérity, a mansão dos Contos – França, 2009, 80’ – a partir de 4 anos)
14h – Palco Principal - Lançamento do Livro/Sessão de Autógrafos “Conheça e Desenhe os Dinossauros com o Menino Caranguejo” - Chicolam  (Joinville)
14h às 15h – Espaço da Brincadeira e Imaginação - Teatro Lambe-Lambe –Márcia Cordeiro e Liane Coral (Joinville)
14h30 – Palco Principal - Lançamento de Livro/Sessão de Autógrafos “Causos de minha Cidade” - Wilson Gelbcke  (Joinville)
15h – Teatro Juarez Machado – Teatro - Lili Reinventa Quintana (Téspis Cia de Teatro/Itajaí) 
15h – Auditório Alcione Araújo – Palestra: “Dramaturgia teatral X Dramaturgia de Televisão” -  Flávio Marinho (Rio de Janeiro)
16h- Auditório Alcione Araújo – Fala do Escritor – “Quem escreve na cidade” - Jean Postai e Giane M. de Souza e mediação de Salustiano Souza - Confraria do escritor Joinvilense
16h30 – Palco Principal –Lançamento de Livro/Sessão de Autógrafos – Executivos e Escritores - César Döhler,  Guilherme Bertani - mediação Marcelo Harger
17h – Auditório Alcione Araújo – Palestra: “Escrita Jornalística X Dramaturgia Teatral” - Mário Viana (São Paulo)
19h – Auditório Alcione Araújo – Palestra: “Nordeste Literário - O autor e sua experiência na fomentação literária Nordestina” - Sidney Nicéas  (Recife)
19h – Teatro Juarez Machado – Palestra: “Anjos: a jornada espiritual e literária” - Mônica Buonfiglio (Rio de Janeiro)


7 de abril (domingo)
10h – Abertura da Feira
14h – Palco Principal - Lançamento de Livro/Sessão de Autógrafos  “Gente nossa: Histórias de quem faz a cidade” – Salvador Neto (Joinville)
14h – Sala de Cinema - Mostra Itinerante do Festival Internacional de Cinema “Nueva Mirada” para a Infância e Juventude (Filme: Gnomos & trolls -  a câmara secreta – Suécia, 2008, 75’ – a partir de 4 anos)
15h – Teatro Juarez Machado – Teatro - Lili Reinventa Quintana (Téspis Cia de Teatro/Itajaí) 
15h – Auditório Alcione Araújo – Fala do Escritor – “A Poesia e a Imagem” - Sandro Herzinger e Geny Beckert e mediação de Jean Postai - Confraria do escritor Joinvilense
16h – Auditório Alcione Araújo – Palestra: “A dramaturgia contemporânea brasileira e o papel do dramaturgo na sociedade – A dramaturgia e a educação formal” - Flávio Marinho (RJ), Mário Viana (SP)e Alex Giostri (RJ)
16h30 – Palco Principal – Lançamento de Livro/Sessão de Autógrafos “Livro de Receitas da OASE” – Pastor Ernâni Petry (Joinville)
19h – Encerramento


8 de abril (segunda-feira)
9h – Abertura da Feira
9h30 – Auditório Alcione Araújo – Encontro com Escritor e Lançamento do Livro “O catador de memórias” - Alberto Ferreira (Joinville)
9h30 – Teatro Juarez Machado – Palestra: “A natureza e o homem. Como essa relação provoca o processo de criação da literatura” - Ignácio Loyola Brandão (São Paulo)
10h – Sala de Cinema - Mostra Itinerante do Festival Internacional de Cinema “Nueva Mirada” para a Infância e Juventude (Curtas Metragens) 
10h – Espaço da Imaginação e Recreação - Maratona de Contos SESC - O Senhor das Borboletas (Pequeninus Prod. Art. Joinville)
14h30 – Teatro Juarez Machado – Palestra: “A natureza e o homem. Como essa relação provoca o processo de criação da literatura” - Ignácio Loyola Brandão (São Paulo)
15h – Sala de Cinema - Mostra Itinerante do Festival Internacional de Cinema “Nueva Mirada” para a Infância e Juventude (Curtas Metragens)
15h – Espaço da Imaginação e Brincadeira - Maratona de Contos SESC - O Senhor das Borboletas (Pequeninus Prod. Art. Joinville)
16h – Auditório Alcione Araújo – Fala de Escritor – “e-tudo. Como fica a Sociedade?” - Milton Maciel e Salvador Neto e mediação de Nielson Modro – Confraria do Escritor Joinvilense 
19h – Teatro Juarez Machado – Palestra: “Ler em Liberdade” com Carlos Liscano (Uruguai). Mediação Prof. Dra. Liliana Reales (UFSC)  - Coordenadora do Núcleo Juan Carlos Onetti de Estudos Literários latino-americanos
21h – Encerramento


9 de abril (terça-feira)
9h – Abertura da Feira
9h30 – Teatro Juarez Machado – Palestra: “Ler é Bacana” – Thalita Rebouças (Rio de Janeiro)
10h – Sala de Cinema - Mostra Itinerante do Festival Internacional de Cinema “Nueva Mirada” para a Infância e Juventude (Curtas Metragens) 
14h às 16h – Sala 8/Alfredo Salfer – Encontro com Professores de Língua Portuguesa – “Letramento Literário” - Professora Vera Lucia Aguiar (Joinville) - Católicas SC
14h30 – Teatro Juarez Machado – Palestra: “Ler é Bacana” – Thalita Rebouças (Rio de Janeiro)
15h – Sala de Cinema - Mostra Itinerante do Festival Internacional de Cinema “Nueva Mirada” para a Infância e Juventude (Curtas Mertragens) 
16h – Auditório Alcione Araújo – Fala de escritor – Leitura, Livro e Literatura com Eliana Quadra Correa e Salustiano Souza e mediação de Donald Malsschitzky - Confraria do escritor Joinvilense
16h30 – Palco Principal - Lançamento de Livro/Sessão de Autógrafos “Os estranhos”-  Jaqueline Melo (Joinville)
19h – Auditório Alcione Araújo - Painel “Jornalismo & Literatura” - Apolinário Ternes (Joinville), Mylton Severiano (São Paulo) e Moacir Pereira (Florianópolis) - Associação Catarinense de Imprensa 
19h – Teatro Juarez Machado – Palestra: "¡Chega de ler!" com Martin Kohan (Argentina) - Mediação Prof. Dra. Liliana Reales (UFSC)  - Coordenadora do Núcleo Juan Carlos Onetti de Estudos Literários latino-americanos
20h – Palco Principal - Lançamento de Livro/Sessão de Autógrafos  “Memórias de uma jornalista distraída” -  Vanessa Bencz (Joinville)
21h – Encerramento


10 de abril (quarta-feira)
9h – Abertura da Feira
9h às 17h30 - Mostra do Proler Mirim
9h – Teatro Juarez Machado – Palestra: “Estação Lunar” - Roseana Murray (Rio Janeiro)
10h – Teatro Juarez Machado – Concerto Caixinha de Música - Guga Murray (Rio Janeiro)
10h – Sala de Cinema - Mostra Itinerante do Festival Internacional de Cinema “Nueva Mirada” para a Infância e Juventude (Curtas Metragens)
10h – Espaço da Imaginação e Brincadeira - Maratona de Contos SESC – Cantos em Contos (Humberto Soares e Ana Paula da Silva/ Joinville)
11h às 11h30 – Teatro Juarez Machado – Apresentação de trabalhos desenvolvidos nas escolas parceiras – Proler Mirim
14h às 18h – Sala 8/Alfredo Salfer – Encontro com Professores: Competência Leitora – Língua Inglesa – Prof. Maria Goreti Gomes
14h – Teatro Juarez Machado – Palestra: “Estação Lunar” - Roseana Murray (Rio Janeiro)
15h – Teatro Juarez Machado – Concerto Caixinha de Música - Guga Murray (Rio Janeiro)
15h – Palco Principal - Sarau Literário para grupos da terceira idade – Grupo Poema Sonoro (Joinville)
15h – Sala de Cinema - Mostra Itinerante do Festival Internacional de Cinema “Nueva Mirada” para a Infância e Juventude (Curtas Metragens)
15h – Espaço da Imaginação e Brincadeira - Maratona de Contos SESC - Cantos em Contos (Humberto Soares e Ana Paula da Silva/Joinville)
16h – Auditório Alcione Araújo – Fala do Escritor –“Jovens e a sociedade Imagética” - Donald Malschitzky e David Gonçalves e mediação de Jura Arruda - Confraria do escritor Joinvilense
15h – Palco Principal - Sarau Literário para grupos da terceira idade – Poema Sonoro (Joinville)
16h30 às 17h – Teatro Juarez Machado - Apresentação de trabalhos desenvolvidos nas escolas parceiras – Proler Mirim
16h30 – Palco Principal -  Lançamento de Livro/Sessão de Autógrafos “A Naneara e a busca por Taititi” com Lilian Cristina Peixe (Joinville)
19h – Teatro Juarez Machado -  Palestra:  “Se eu fizesse um cavalo” - Marina Colasanti (Rio do Janeiro)
19h30 – Auditório Alcione Araújo - Caravana de Escritores – Mesa de debates com os escritores Roseana Murray, Léo Cunha e Rubens da Cunha e mediação da professora Dra. Taiza Mara Rauen Moraes
20h - Palco Principal - Lançamento do livro/Sessão de Autógrafos “O amor e o divã: estudos psicanalíticos” – organização dos psicanalistas Joseana Simone Deckmann Lima, Antonio Quinet, Sandra Tireck Junqueira e Terezinha Saffi (Jaraguá do Sul)
21h – Encerramento


11 de abril (quinta-feira)
8h às 17h30 - Mostra do Proler Mirim
8h às 9h30 – Teatro Juarez Machado– Encontro com Professores: Competência Leitora – Palestra: “Estação Lunar” - Roseana Murray (Rio de Janeiro)
8h às 9h30 – Auditório Alcione Araújo – Encontro com Professores: Competência Leitora – Palestra: “Ler o mundo” - Afonso Romano de Sant’Anna (Rio de Janeiro)
9h – Abertura da feira
9h30 – Palco Principal - Sessão de Autógrafos – Marina Colassanti (Rio de Janeiro)
10h às 11h30 – Teatro Juarez Machado - Encontro com Professores: Competência Leitora – Palestra: “Se eu fizesse um cavalo” - Marina Colasanti (Rio de Janeiro)
10h às 11h30 – Auditório Alcione Araújo - Encontro com Professores: Competência Leitora – Palestra: “A família, a escola e a biblioteca na formação do leitor e do escritor” - Léo Cunha  (Belo Horizonte)
10h – Sala de Cinema - Mostra Itinerante do Festival Internacional de Cinema “Nueva Mirada” para a Infância e Juventude (Curtas Metragens)
10h – Espaço da Imaginação e Brincadeira - Maratona de Contos SESC - Aquarelo (Pequeninus Prod. Art./ Joinville)
14h às 15h30 – Teatro Juarez Machado - Encontro com Professores: Competência Leitora – Palestra: “Ler o Mundo”- Affonso Romano de Sant’Anna (Rio de Janeiro)
14h às 15h30 – Auditório Alcione Araújo - Encontro com Professores: Competência Leitora – Palestra: “Se eu fizesse um cavalo” - Marina Colasanti (Rio de Janeiro)
15h – Sala de Cinema - Mostra Itinerante do Festival Internacional de Cinema “Nueva Mirada” para a Infância e Juventude (Curtas Metragens)
15h – Espaço da Imaginação e Brincadeira - Maratona de Contos SESC - Aquarelo (Pequeninus Prod. Art. /Joinville)
16h às 17h30 – Teatro Juarez Machado - Encontro com Professores: Competência Leitora – Palestra: “A família, a escola e a biblioteca na formação do leitor e do escritor” - Léo Cunha (Belo Horizonte)
16h às 17h30 – Auditório Alcione Araújo - Encontro com Professores: Competência Leitora –   “Da Crônica à literatura infantil, uma trajetória” - Rubens da Cunha (Florianópolis), Vanessa Bencz, Jura Arruda, Marinaldo de Silva e Silva (Joinville)
18h – Auditório Alcione Araújo – Fala do escritor – “Leitura na ponta da faca” com David Gonçalves e Donald Malschitzky e mediação de Jura Arruda - Confraria do escritor Joinvilense
19h – Teatro Juarez Machado – Palestra: “A liberdade nos livros e na vida” - Dalmy Gama (Belo Horizonte) 
20h – Auditório Alcione Araújo – Palestra: “Ler o mundo” - Affonso Romano de Sant’Anna (Rio de Janeiro)
21h – Encerramento


12 de abril (sexta-feira)
9h – Abertura da Feira
9h às 17h30 - Mostra do Proler Mirim
9h – Teatro Juarez Machado – Palestra: “A família, a escola e a biblioteca na formação do leitor e do escritor” - Léo Cunha (Belo Horizonte)
9h30 – Palco Principal - Lançamento do livro/Sessão de Autógrafos “Vida e Missão” -  Pe. Jorjão (Joinville)
10h – Sala de Cinema - Mostra Itinerante do Festival Internacional de Cinema “Nueva Mirada” para a Infância e Juventude (Curtas Metragens)
10h – Espaço da Imaginação e Brincadeira - Maratona de Contos SESC - Brincando de Bonecos (Cia Experimentus Teatrais/Itajaí)
10h15 às 11h – Teatro Juarez Machado - Apresentação de trabalhos de leitura desenvolvidos em escolas parceiras – Proler Mirim
14h30 – Teatro Juarez Machado - Mostra do Proler Mirim - “Crônica - uma trajetória” - Rubens da Cunha (Florianópolis), Vanessa Bencz, Jura Arruda, Marinaldo de Silva e Silva (Joinville)
14h30 – Palco Principal - Lançamento do livro/Sessão de Autógrafos “Vida e Missão” - Pe. Jorjão (Joinville)
15h – Palco Principal - Sarau Literário para grupos da terceira idade – Grupo Poema Sonoro (Joinville)
16h – Palco Principal - Lançamento do livro/Sessão de Autógrafos “Barbolandia: A Fuga do herdeiro” - Bruno Melo (Belém)
15h – Sala de Cinema - Mostra Itinerante do Festival Internacional de Cinema “Nueva Mirada” para a Infância e Juventude (Curtas Metragens)
15h – Espaço da Imaginação e Brincadeira - Maratona de Contos SESC - Brincando de Bonecos (Cia Experimentus Teatrais/Itajaí)
15h30 às 17h – Teatro Juarez Machado - Apresentação de trabalhos de leitura desenvolvidos em escolas parceiras – Proler Mirim
16h – Auditório Alcione Araújo –Fala de Escritor – “Lançamentos Poéticos” - Rita de Cássia Alves e Marcos Laffin e mediação de Eliana Ap. de Quadra Corrêa - Confraria do escritor joinvilense
16h- Palco Principal - Lançamento do livro/Sessão de Autógrafos “O rio da minha cidade” - Luiz Carlos Amorin (Florianópolis)
18h – Palco Principal - Lançamento do livro/Sessão de Autógrafos  “Menina dos Olhos Verdes” - Apolônia Gastaldi (Ibirama)
19h – Auditório Alcione Araújo – Palestra: “O processo criador de cada um – A relação do autor com as palavras” - Alex Giostri (Rio de Janeiro)
19h – Teatro Juarez Machado – Palestra: “Aprendendo a lidar com as emoções” - Médico Andrei Moreira Machado e Souza (Belo Horizonte) – Federação Espírita
21h – Encerramento


13 de abril (sábado)
9h – Abertura da Feira
10h30 – Palco Principal - Lançamento de Livro/Sessão de Autógrafos  “Chuva sobre Saravejo” - Joel Gehlen  (Joinville)
11h – Teatro Juarez Machado - Maratona de Contos SESC – O Menino do Dedo Verde (Cia Experimentus teatrais/Itajaí)
12h – Almoço com arte
14h – Sala de Cinema - Mostra Itinerante do Festival Internacional de Cinema “Nueva Mirada” para a Infância e Juventude (Filme: Max Evergonhado – Dinamarca, 2008, 94’ – a partir de 11 anos )
14h –  Palco Principal - Lançamento de Livro/Sessão de Autógrafos “Aura Clara e Outras Cores” - Pablo Pereira (Blumenau)
15h – Teatro Juarez Machado - Maratona de Contos SESC – O Menino do Dedo Verde (Cia Experimentus  teatrais/Itajaí)
15h - Auditório Alcione Araújo - “Mercado Editorial para novos autores – métodos de divulgação e inserção no mercado” - Alex Giostri (Rio de Janeiro)
16h- Auditório Alcione Araújo – Fala de Escritor – “Crônicas Sociais” Giane M. de Souza e Joel Gehlen e mediação de Rita de Cássia Alves - Confraria do escritor Joinvilense
18h – Auditório Alcione Araújo - “Panorama do segmento teatro em livro – literatura dramática X montagem cênica – Aspectos, diferenças, possibilidades, necessidades – A diferença entre o livro e a peça” com Alex Giostri (Rio de Janeiro)
19h – Circuito SESC de Música - Quarteto Rio Vermelho (Florianópolis)
21h – Encerramento


14 de abril (domingo)
10h – Abertura da Feira
12h – Almoço com arte
14h – Sala de Cinema - Mostra Itinerante do Festival Internacional de Cinema “Nueva Mirada” para a Infância e Juventude (Filme: O rei Siri – Sri Lanka, 2008, 88’ – a partir de 11 anos)
15h – Auditório Alcione Araújo – Fala de Escritor – “Relação Sagradas, Relações Mundanas” - José Klemann e Edinleni Borinelli com mediação de Salvador Neto - Confraria do escritor joinvilense
15h – Teatro Juarez Machado - Teatro – Pastel (Cia. Casa Teatral/Joinville)
18h – Encerramento


*Programação sujeita a alterações.

6 de mar de 2013

O sonho foi realizado.

Com o sonho da reabertutra do MUBI fomos convidados para dar um entrevista para o Jornal Notícias do Dia. Compartilho com vocês





3 de mar de 2013

Nossa aventura no México


                 Valdonabike  (Amigos  Para  Sempre)

A tão esperada viagem ao México aconteceu. Uma semana para conter a ansiedade de sair do Brasil e aventurar em busca da Tanajura (bicicleta do cicloturista Valdo que faleceu em território mexicano).
Saímos às 02 horas de Joinville para ir até São José dos Pinhais/PR (aeroporto), chegamos cedo e ficamos vendo as lojas. Comprei um livro. No avião até São Paulo tudo dentro do normal e rápido. Em São Paulo vi e vivi muitos fatos desde o linguajar até o fato de ter de deixar meus cremes na inspeção. O guarda olhou para mim e falou: Você é americana? Respondi: Não, sou brasileira e catarinense com muito orgulho. O shampoo, hidratante, bloqueador solar vão ficar e... a imagem de Nossa Senhora Aparecida também fica! Argumentei:  “Peraí” isso vai, é uma lembrança para meus amigos mexicanos. Concordou e deixou.
De São Paulo até o México 9 horas (um chá amargo de avião) assisti filmes, dormi, o marido não conseguiu dormir. Fizemos tudo o que podíamos “ confinados” em um avião. Cenas bizarras que presenciamos : uma senhora indo para Cancun (misericórdia!! A 3 idade pode viajar e deve viajar, porém...como falam. Para preencher o cartão de migrante fizeram um “ aué” – uma comentou: Eu não sei inglês , a outra pedia explicação a todo momento para a comissária de bordo. Pensei.. contínuo em sala de aula. Resumindo as duas envolvidas em preencher o formulário não receberam o almoço. Outro momento de confusão. Nós preenchemos e dividimos informações.
       Cecy esposa de Felipe Besné                                           Uma visão contemplativa
Chegamos ao México sem empolgação com muito cansaço. Fomos direto à fila de migração(uma fila enorme). Duas horas esperando para completar atrás da fila, nos nossos ouvidos “ as mulheres da 3º idade:falatório, falatório... nada útil comentários sobre as viagens que fizeram, compras, fofocas , cultura zero. Saímos da fila da migração - ficamos nos batendo procurando as bagagens. Cadê o Felipe? Graças a Deus encontramos o Felipe , amigo de Valdo e ciclista com a companhia de sua doce esposa. Nossa!!! Que alegria ver em terras estranhas o sorriso largo de Felipe e sua esposa. Senti uma presença estranha no ar, sei quem era. Tínhamos pouco tempo no México   queríamos muito ir  à Basílica de Nossa Senhora de Guadalupe para agradecer pela viagem , pelos amigos mexicano. Foi muito emocionante... é tudo “mui lindo”  sensação de paz e simplicidade. Fomos de metrô na metade do caminho pegamos um táxi e voltamos andando duas quadras. Chegando ao aeroporto o Valde (maridão) ajeitou as papeladas descansamos com um bom café. Parada para as despedidas .

O Casal nos presenteou com lembranças da cidade do México. O primeiro presente foi a réplica da imagem da Nossa senhora de Guadalupe , ganhei imagens da cultura mexicana, os meninos e o marido receberam a miniatura do traje mexicano. Pronto!! Acabaram os presentes... que nada! O casal apareceu com um pen-drive com as últimas fotos do Valdo, por ocasião Natal ( passou com a família Besné). 3 cópias uma para nós e duas para a família do Valdo.. A mais emocionante foi quando o Valdecir ( Marido) recebeu de presente o capacete e o rosário do Valdo. O presente para o MUBI( Museu da bicicleta de Joinville). As lágrimas escorreram duas vezes no México: Na Basílica e na entrega dos objetos de nosso amigo. O casal ficou o tempo todo conosco. Fomos embarcar para ir para Tijuana. Entregamos a imagem de Nossa Senhora Aparecida  aproveitei para entregar para  Cecy  o que eu levo sempre comigo: minha   minha pulseira de prata  com a imagem de  São Bento.





   Na sala VIP indo para Tijuana  passou-me um arrepio na  alma – cachorros com focinheiras e o acompanhante com om rosto um a máscara preta. Tudo muito sinistro.

Dia 22 de novembro A novela do Rent a Car  iniciava. O Rogelio via um preço e o Valdecir via o outro. Depois de muito pesquisar alugamos uma Van . Às 7 h45 min tomamos um café para ele um almoço (o café para eles é um almoço para nós: ovos, bacon, frituras, tacos, carnes...).


 Rumo para Ensenada muito chão até chegar ao destino.Paramos para degustar “ Quejos” ou queijos . Hum!! Uma delícia! Mais estrada até chegar na casa do tio Marco Antônio (tio de Rogelio). Comemos  tacos com  suco.

 
 
Colocamos a bike no carro e fomos  até o cemitério encontrar o local onde o Valdo foi enterrado. Encontramos madeiras velhas e galhos em cima do  chão batido. Precisávamos demarcar o local . Compramos cimento e pedimos para um rapaz ( são ex-viciados ou viciados) que ficam ali esperando para fazer algo para ganhar um “um troco”´. Enquanto ele ficava  cimentando resolvi dar uma voltinha ao redor do cemitério e observar . Fiquei horas observando duas meninas brincando ao lado de um túmulo ou “ tuba”.Elas colocaram balões e brinquedos em cima do  túmulo e corriam ao redor.

Cada túmulo havia uma cruz feita de madeira simples e  pendurado várias bonecos, ursos , brinquedos .

 Após a 1º camada foi colocado um terço.  Esperamos secar e foi escrito Valdo – Brasil.  O rapaz que estava colocando o cimento ficou  colocar mais cimento e ajeitar os lados com cimento. Sugerimos a frase: amigos para sempre.combinamos de no outro dia passar e pagar pelo trabalho.

 
 

 

Desmontamos a bike na casa do tio Marco Antonio (aquele tio de Rogelio que na frente é uma lanchonete e atrás uma oficina) Ocupamos a oficina sem ajuda de ninguém , nem apoio moral. 


 Depois de muito trabalho finalmente conseguimos – cansados, famintos e imundos fomos comemorar com uma pizza mexicana.  Já na casa alugada procuramos água para um bom banho, O Rogelio não sabia como funcionava o abastecimento da água , ficou durante 4 horas na lida... Olhei para o Valdecir e falei: Vamos dormir assim mesmo. Acordamos  e a grande novidade: os banho ,só que de “canequinha”. Fazer o quê... aceitar .

Depois de um bom banho nada melhor que um bom café, corremos até uma cafeteria e a novela do café: nós café com pão  o Rogelio um sanduiche tamanho família . Com o copo em mão fomos caminhado até La Bufadora um espetáculo da natureza as ondas batem nas pedras e formam uma nuvem de águas coloridas. Encontramos americanos, menonitas, japoneses encantados com a beleza.Claro!!!  As lojinhas davam um brilho maior, comprei alguns presentes para os meninos. O Valdecir e o Rogelio diviram um almeja ostra recheada ou algo parecido.




 

Precisamos muito de dinheiro, procurando um caixa eletrônico e nada de ser  aprovado a transação. Já no 3 banco eu exclamei: “Puta Merda!!!! “Pronto!!! O Rogelio escutou e qualquer dificuldade ele berrava  puta merda – momentos de risos e descontração.

Pausa para celebrar a vida:  Rota dos vinhos , local : São Thomás  uma natureza deslumbrante e degustamos vários vinhos. Jesus, como era gostoso!!! Vinho, queijos e petiscos. Fui presenteada com uma camiseta. Meu marido é muito fofo.Obrigada, pela camiseta.

Comprei flores e fomos  até o cemitério – Cadê o rapaz e o prometido? Enrolou, enrolou e não fez. Coloquei as flores no túmulo . Pedi para o rapaz  cuidar do local e colocar flores – Demos  uma camiseta do Brasil para ele .Pedi que ele cuidasse do Túmulo para nós , pois o Valdo era um pai para nós. Abraçando a camiseta concordou que sim.

 
 Indo para Tijuna exatamente  às 18:h30 min .entregamos a Van no horário certinho e fomos para o hotel. Depois de um bom banho e uma janta maravilhosa recebemos a visita  de Rogelio e sua namorada Mônica receberam de presente uma imagem de Nossa Senhora Aparecida e os livros do Valdo.  Ficamos órfãos o  nosso amigo ia participar de um retiro e deixou nos sozinhos no México. O que fazer??? Dormir e pensar.
Sábado fomos até o  Mercado Municipal procurar corda para amarrar a bike. O trajeto era longo. A tarde foi de preocupação: Como levar a bike enorme e ,nós com malas, mochilas.
Outro dia tomamos o café da manhã  em silêncio. Fechamos as contas no hotel  de cortesia recebemos  um táxi para nos levar até o aeroporto. Procuramos um Pablito  (menino) para levar nossas malas e a bike. No despacho de bagagens foi uma novela para vistoriar a bike. O que nos salvou foi o álbum de fotos que era do Valdo . Mostramos e fomos liberados.  O preço da bagagem era 65 dólares, porém não cobraram is o peso estava baixo e veio como nossa bagagem, pagamos  somente 9 dólares  para embalagem da bike.  Na sala de espera em Tijuana o voo atrasou  2 horas. Aproveitei para comprar algumas lembrancinhas.
Chegamos finalmente  na cidade do México – fomos fazer a papelada da migração . Pensei... vamos agora as compras! Só escutamos pelo microfone Valdecir e  Mariza do voo  tal  comparecer urgente  pois o avião está saindo. Corremos com as mochilas porque a bike ia  direto até Guaraulhos. Finalmente conseguímos! 

   Em Guarulhos a novela da bagagem. Não chegou pelo atraso de Tijuana. Pronto!! Pensei tanto trabalho para nada. O responsável pelas bagagens ficou de deixar no  aeroporto de Joinville- olhou para nós e falou: Amanhã  até 12  horas vocês  irão receber a bagagem na casa de vocês.Ela chegou trazendo a esperança de ir para o MUBI (Museu da bicicleta) Só podemos garantir que a todo momento nós sentíamos a presença forte da Virgem de Guadalupe e um olhar paterno do nosso amigo Valdo.