29 de mai de 2012

Surpresa número 4

Em menos de duas  semanas muitas surpresas. Fico feliz em compartilhar com vocês. A  4º surpresa ocorreu quando,  lendo a revista Nova  Escola online,  perguntaram: Por que você gosta  de ler a revista? Respondi e fui selecionada para fazer uma entrevista. Imagine!!!! O coração é forte e aguentou a emoção de gravar. O  jornalista  Anderson Moço foi de uma educação, delicadeza  e profissionalismo. 

     " O que faz a vida tão especial é o fato de que ela nunca se repetirá." Emily Dickinson.


" A vida deve e pode ser uma alegria sem limites."     
                                           Conde Leon Nikolaievitch Tolstoi

NOVA ESCOLA esteve em Joinville, SC, na sexta-feira passada. Estávamos lá para produzir vídeos e reportagens que logo mais vocês vão conferir. Nós conhecemos a leitora Mariza A. de Souza Schiochet. Ela é professora há 25 anos e vai se aposentar muito em breve (de tão apaixonado por lecionar, ela não tem coragem de abandonar a escola). Nesse tempo todo de docência, ela teve NOVA ESCOLA ao lado dela. Mariza nos deu um belo depoimento e uma das frases mais fofas foi: "A primeira sensação que tive depois de pegar a NOVA ESCOLA foi de que eu não estava mais sozinha. Ela é como se fosse uma amiga que te dá conselhos.”
Muito obrigado, professora, por nos receber em sua casa e por ser tão apaixonada pela profissão e pelo trabalho de nossa revista! É uma honra poder ter estado ao seu lado e a de tantos professores brasileiros por todo esse tempo!

28 de mai de 2012

Surpresa número 3

Estava selecionando as  notícias para colocar no mural e eis que ... minha aluna  emocionada falou : Olha!!! A nossa escola, professora. Fiquei surpresa, pois o jornal DC  ligou para a escola perguntando  se estávamos recebendo, lendo e trabalhando com o  jornal. Respondi via e-mail e mandei fotos do trabalho  sendo realizado. Gostaram e publicaram  no  jornal . Confira

26 de mai de 2012

Surpresa número 2

 Bom!!! Estamos estudando alguns  casarões de Joinville. Contarei os passos em uma outra oportunidade. Compartilho o pedido da jornalista Maria Cristina Dias para  publicar no jornal o trabalho em andamento . 

25 de mai de 2012

Surpresa número 1

Nossa, foram alegrias e emoções maravilhosas!!!.Meus alunos continuam enviando cartinhas para os pacientes que estão fazendo quimioterapia .Li em sala de aula o livro Caligrafia de dona Sofia de Andre Neves e propus: Vamos enviar cartinhas com sabor de poesias? Selecionamos várias poesias de Mario Quintana, Carlos  Drummonnd, Vinicius de Moraes , Luiz Carlos Amorim...
     Contei para o Amorim que sua poesia estava sendo um bálsamo para os pacientes do Setor de Oncologia e ele nos brindou com uma crônica.   Obrigada, meus poetas .

VAI UMA GOTA DE POESIA?

Por Luiz Carlos Amorim – Escritor –http://www.prosapoesiaecia.xpg.com.br/


Minha amiga e conterrânea Mariza Schiochet, os leitores do blog já sabem, é uma agitadora cultural, é a professora que faz a diferença na educação deste nosso Brasilzão de Deus, é como todos os professores deveriam ser, apesar de não serem valorizados como deveriam.

A professora Mariza, mais uma vez inova, toma a iniciativa e realiza. Ela já tinha incentivado os seus alunos do primeiro grau de duas escolas de Joinville a escreverem cartinhas para os doentes da ala de oncologia do Hospital São José, a fim de tornar mais ameno o tempo que passam internados os doentes com câncer. E os estudantes fizeram isso com dedicação e carinho. O que, sem dúvida, levou momentos mais felizes aos doentes que estão no ambiente no mínimo triste de um hospital.

Pois ela continua incentivando que seus alunos escrevam as cartinhas endereçadas aos doentes, agora com uma novidade. Ela levou livros de poetas como Vinícius de Moraes, Quintana, deste cronista e de outros poetas, para que os estudantes escolhessem poemas para mandar para os doentes internados, em suas cartinhas.

Não é um trabalho pioneiro? Além de levar atenção e carinho aos doentes, a professora faz com que a sensibilidade e o lirismo da poesia vá amenizar a dor dos pacientes da ala de oncologia. E fazendo isso, ela está, ainda, divulgando a poesia, incutindo o gosto pela poesia, incentivando a leitura, tornando nossos poetas mais conhecidos.

Parabéns, professora. A poesia é necessária e a senhora sabe disso. A poesia tem que estar em todos os lugares, porque ela torna as pessoas mais humanas, mais sensíveis, mais abertas para a vida.

Obrigado pelo seu trabalho desbravador. Eu, os poetas e os pacientes que recebem as cartinhas lhe agradecemos. Sempre.

4 de mai de 2012

Convite

"Não devemos ter medo de inventar seja o que for, tudo o que existe em nós também a natureza, pois fazemos parte dela". Pablo Picasso




A Clarice Steil  Siewert deixou via  e-mail o convite da programação  de teatro, tentarei agendar-me é participar. Convido todos meus amigos para apreciar a arte do teatro .


Dionisos Teatro 15 anos. A cena segue com você.

            Seguindo com as comemorações dos 15 anos da Dionisos, na próxima semana apresentamos 3 noites de “Entardecer”, no Galpão de Teatro da AJOTE. E em breve a programação do segundo semestre!
Envelheci,
Tenho muita infância pela frente.
(Fabrício Carpinejar)
Dionisos Teatro
apresenta
“ENTARDECER”

ENTARDECER
11, 12 e 13 de Maio (sexta-feira, sábado e domingo)
20 horas
R$ 16,00 inteira / R$ 8,00 meia*
Galpão de Teatro da AJOTE – Cidadela Cultural Antarctica
(R. XV de novembro, 1383 – América)

* Idosos, estudantes e professores pagam meia entrada mediante apresentação de documento.

Sinopse
Nino, Maria e Ubert encontram-se em algum lugar, qualquer lugar entre a lembrança e o esquecimento. Uma janela entre o que foi e o que poderia ser, e os sons de passado que se aninham em nosso presente. Fios de tempo que nos fazem vivos pela lembrança.
O espaço da memória e do esquecimento, o vivido e o contado revivido, re-significado. Existiu mesmo? Aconteceu mesmo? Contamos o que fomos ou o que poderíamos ter sido? Vida que foi ou poderia ser. Ou pode ainda ser. Entre o entardecer e o breu da noite, muita luz ainda há, mesmo que filtrada pelo tempo. Pra amanhecer é preciso antes entardecer.

Ficha Técnica

Elenco: Andréia Malena Rocha, Clarice Steil Siewert, Eduardo Campos
Direção: Silvestre Ferreira
Figurinos e Maquiagem: Lucas David
Dramaturg: Lucas David e Sabrina Lermen
Iluminação: Hélio Muniz
Trilha Sonora Original: Lausivan Corrêa
Operação de luz: Manoella Carolina Rego
Operação de som: Vinicius Ferreira

Duração: 50 minutos
Indicação: a partir dos 12 anos



 

-- 
Dionisos Teatro
55 (47) 3432 6654 / 9604 6691
www.dionisosteatro.com.br
No Twitter: @dionisosteatro