19 de set de 2010

Sua vida mais leve


O Dia já existe 22/ 09 para refletir e manifestar sobre os gigantescos problemas causados pelo uso intenso de automóveis como forma de deslocamento, sobretudo nas grandes cidades. È um dia para não utilizar o carro a proposta é ir de: ônibus, caminhando ou de bike.

Aqui em Joinville temos o projeto: Joinville em Movimento que proporciona lazer e integração. É um espaço democrático, com área específica para crianças com cama elástica e outra atrações sem custo para comunidade. Aos domingos sempre pedalamos e passamos por lá para beber água e continuar nossas pedaladas, explorando Joinville de bike. Louvável a idéia.

É revoltante o fechamento do MUBI (Museu da Bicicleta). Aqui a prefeitura “ pisou feio na bola”. A nossa cidade é conhecida como a Cidade das Bicicletas sem museu..

Graças ao Shopping Garten o diretor Valter Busto pode expor uma parte do acervo, por um período curto, estamos esperando que haja um acordo entre ambos. Iniciando um processo de resgate da nossa história.

P.S. Veja as fotos da exposição no Garten e as fotos do Projeto Joinville em Movimento







15 comentários:

Luís Coelho disse...

Por cá diz-se dia sem carros e só acontece na cidade. Depois volta tudo ao mesmo.Quem tem carros passeia-se ou trabalha a qualquer hora do dia e quem não tem vai a pé e muitos dias com os filhos às costas.

Taia Assunção disse...

Que bacana Mariza, minha caçula é adepta de bicicleta como meio de transporte e olha que em Minas tem ladeira na ladeira...rsrsrs. Infelizmente não podemos manter essa hábito aqui no Congo, mas na Bahia as "praieiras" estão nos esperando para dezembro. Beijocas! (O problema com seu computador foi resolvido? Fiquei preocupada).

Gilmar disse...

Mariza,

Acabo de oferecer-lhe o “Selo Qualidade”. Passe lá no Caminhar & Ruminar para apanhá-lo. E, como sempre faço, preciso dizer-lhe que fique à vontade para acolher o presente, passar adiante ou recusá-lo. Fique à vontade, sem quaisquer constrangimentos! Um grande e fraterno abraço!

DJANILSON disse...

Mariza, muito louvável mesmo esse projeto 'Joinville em Movimento'. Estão mesmo de parabéns! Dia 22/09 vem aí, muito bacana lembrar a todos sobre os benefícios de deixar o carrinho de lado! Sucesso!

Anônimo disse...

Venho até aqui expressar minha revolta, quanto ao ocorrido com a Biblioteca Pública de Joinville. Onde estava o nosso TÃO ESTIMADO PREFEITO? Que nem se quer notou que necessitávamos de uma reforma URGENTE, não era ele Carlito Merss que investiria na nossa EDUCAÇÃO?Ah sim! Carlito estava ocupado tratando da PARADA GAY,semana da diversidade(onde eu não vi a diversidade de raças e culturas)Por quanto tempo teremos de esperar agora?Devemos aproveitar que estamos em época de PROMESSA e pedirmos agilidade, perante a tais fatos.Queremos RESULTADOS e ultimamente temos recebido apenas TAXAS E TAXAS, onde estão sendo investidas tantas cobranças?Pois não estamos vendo reformas nem na educação muito menos na saúde. Carlito Merss quem ser esta pessoa?

Karine Cristine Floriano
E.E.B.Dr.Jorge Lacerda
3°1

Luiz Carlos Amorim disse...

Concordo com você, Mariza, é inconcebível a Cidade das Bicicletas fechar o Museu da Bicicleta. Infelilzmente,parece que Joinville está regredindo no que diz respeito à administração pública. Além do museu, da biblioteca sem manutenção (o teto caiu hoje), a cidade está com as ruas esburacadas até no centro, o Cachoeira cada vez mais poluído e assim por diante. Uma pena.
Quero aproveitar para agradecer a boa acolhida que tive aí em Joinville nas escolas onde você dá aula.
Um grande abraço para todos, alunos, professores, todos.
Amorim

Anônimo disse...

Muito interessante abraçar esse projeto Joinville em Movimento. Além de estar ajudando nosso meio ambiente, estamos dando oportunidades a nós mesmos de encontros com familiares e amigos ao irmos ao trabalho, escola, academia e etc. O trânsito de Joinville precisa de mais calma e menas negligencias. Somos o futuro de nossa cidade, precisamos agarrar projetos como esse e passar adiante. Parabéns Professora Mariza por motivar seus alunos com projetos como esses. O mundo precisa de pessoas assim, que expõem seus interesses e ideais para com a humanidade.


Karol da Costa
Ellen Cristina da Silva
Escola E.B.Dr. Jorge Lacerda
1° ano 02 / Ensino Médio

José disse...

Olá Mariza!
Andar de bicicleta, só tem vantagens,
não gasta combustível, é bom para a saúde, e não polui o ambiente, que bastante poluído está.
Eu acho que os governantes estão a ficar malucos por todo lado, coisas que têm interesse para as pessoas, eles fecham partem destroem, como se fossem donos de tudo.
Aqui há um dicionário para crianças com palavrões, eles aprendem mesmo sem dicionário

há aqui um cartunista que eu visito todos os dias,
dê uma vista de olhos

um beijinho

http://henricartoon.blogs.sapo.pt/

manuel marques disse...

Boa iniciactiva é pena é que na prática fique tudo na mesma...

Beijos meus.

Regina Rozenbaum disse...

Mariza, mestra, sempre amada!
Fiquei numa alegria enorme ao "Rê"/vê-la lá no Divã. Não minha querida, não lhe abandonei. Como, uma das suas primeiras seguidoras e admiradora do trabalho que faz, poderia fazê-lo? Muitas "coisas" aconteceram desde o início desse ano, que me fizeram, como também escrevi ao amado Amorim, restringir minhas visitas àqueles que lá estão de mãos dadas comigo, compartilhando desses momentos. O mar e brisa do saber cresceu muito - nenhuma surpresa - e segue com sua missão linda! Estarei sempre lá, admirando esse seu trabalho, pelo qual (como já disse-lhe inúmeras vezes)além de profundo respeito, tenho admiração eterna: EDUCAÇÃO. O seu lugar é cativo em meu coração!
Beijuuss ILUMINADOS n.c.

www.toforatodentro.blogspot.com

Professora Carla Fernanda disse...

Boa noite! Obrigada pelo prêmio! Aqui em aracaju já estamos precisando pensar em um rodízio de carros. Tem momentos que fica insuportável o engarrafamento.
Carla Fernanda

Mistérios, Magias ou Milagres. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Tania Forti disse...

Olá, Mariza, passei para agradecer sua visitas e comentários, obrigada pelo carinho!
Muito importante divulgar a necessidade de se exercitar e poupar um pouco nosso planeta.
Tenha um ótimo final de semana
bjos

Anônimo disse...

É revoltante sabermos que um patrimônio tão importante quanto o museu da bicicleta foi fechado ! Como se pode passar um exemplo de uma cidade que se preocupa com o bem estar das pessoas ? Como permitir que um patrimônio histórico se perca dessa maneira ? Como vai ser Joinville daqui em diante sem O Museu da bicicleta ?
É através de manifestações que conseguiremos demonstrar a tamanha revolta que sentimos ! Este é um papel que você Marisa representa com dignidade, sabe impor seus direitos de cidadã tenho tamanha honra de dizer que sou sua aluna .

Apoio inteiramente o que você disse
e espero que consigamos conquistar mais esta batalha beijos e abraços de sua aluna

Caroline A.rosa 1°02
E.E.B dr Jorge Lacerda

Ellen disse...

Realmente é vergonhoso viver numa cidade conhecido como Cidade das Bicicletas se não vivenciamos essa "teoria" no nossa dia-a-dia. Muitas pessoas utilizam a bicicleta como meio de transporte, ótimo para saúde melhor ainda para o meio ambiente. Mas as bicicletas perdem espaço em meio a tantos carros, muitas vezes colocando-se em risco. Espero que ambos juntem-se a causa, governo para melhorias, e a população em pró do meio ambiente!

Ellen Cristina da Silva 1º2